Saiba quais são os meios de pagamentos mais seguros para a sua empresa

22/8/2022

Facilitar o consumo em um negócio é essencial para fidelizar clientes e atrair novos consumidores. No entanto, quando se trata de transações financeiras, surgem várias artimanhas para fraudar os sistemas de estabelecimentos comerciais.

De acordo com o Mapa da Fraude, estudo divulgado pela ClearSale no ano passado, mais de 152 milhões de transações foram feitas no primeiro semestre de 2021 e cerca de 2,6 milhões delas foram tentativas de roubo. É por isso que, mais do que nunca, empreendedores precisam garantir que o processo de venda em suas empresas seja seguro e eficaz.

Antes de tudo, é necessário conhecer as opções de cobrança para garantir uma boa experiência de compra ao cliente. Quando falamos de meios de pagamento, as opções mais comuns são boleto e cartões de crédito e débito. Mas, já surgiram inúmeras novidades no mercado que garantem segurança tanto para o consumidor, como para o empresário.

Pensando nisso, veja três possibilidades de pagamento seguras, considerando a satisfação do cliente e a gestão eficiente do negócio. Confira:

Autoatendimento

Em um estabelecimento comercial, o autoatendimento pode ser feito via totem, tablet ou aplicativo. Um ponto forte deste modelo de pagamento é a segurança das informações do cliente. Além de processar o pedido de forma rápida e eficiente, o consumidor tem a garantia que seus dados estão protegidos.

É possível acompanhar o que foi vendido, contribuindo para a organização dos relatórios financeiros da empresa.

Cashless

Cashless é o meio de pagamento feito sem dinheiro ou cartão de débito e crédito. Basta o cliente inserir a quantidade de crédito que deseja gastar em uma pulseira ou cartão RFID e consumir o que quiser. Dessa forma, o consumidor evita andar com dinheiro ou vários cartões, diminuindo as chances de roubos em locais movimentados.

Já o estabelecimento que utiliza esta solução não fica com dinheiro em caixa, uma vez que todas as transações são creditadas na conta da empresa, por meio de criptografia, evitando assim fraudes. Neste modelo de pagamento, tanto o cliente, como o dono do negócio saem ganhando.

Carteira digital

Aplicativo que armazena dados de pagamento e permite o acesso aos extratos, transferências, pagamentos de boletos e muito mais. Essa tecnologia pode ser usada para transações online e em estabelecimentos físicos apenas aproximando o celular da máquina que aceita pagamento por aproximação. De acordo com um estudo da Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo, divulgado em 2021, 61% das pessoas das classes A, B e C, que possuem smartphone no País, já usam carteiras digitais.

Além da praticidade, outro ponto forte da carteira digital é a proteção do cliente. Isso porque, mesmo que o aparelho seja roubado, nenhuma informação pessoal pode ser acessada, já que é amparado por um eficiente sistema de segurança.

Autor:

Samuel Ferreira é CEO da Meep, empresa de soluções de meios de pagamentos.

Matéria divulgada por: Jornal Tribuna